16 de fev de 2016

Por Dentro da Novidade

A novidade da vez, em dose dupla praticamente, é de origem italiana e tem como trunfo uma grande mudança de design em sua marca. Além da revolução no desenho o modelo ainda criou um dos esportivos mais idolatrados desta fabricante, a Challenger Stradale

O modelo em questão, para os que ainda não mataram a charada, e a Ferrari 360 Modena, a substituta da 355. Sua produção foi iniciada em 1999 e apenas 5 anos após, em 2004, foi interrompida. O carro ajudou a Ferrari a reformular toda sua gama gerando uma nova identidade visual e comercial em todo o mundo

A 360 é equipada com um motor central V8 de 3.6 litros que rende 400 cavalos de potência e 38 kgfm de torque - números bem interessantes para a época. A transmissão era manual de 6 velocidades ou automatizada - o famoso câmbio F1. A velocidade máxima é de 295 km/h e são necessários apenas 4,5 segundos para sair da inercia e atingir os 100 km/h

Foram produzidas 3 versões da 360, a Modena (coupé), a Spider (conversível) e a Challenger Stradale (a versão semi pista). No Brasil existem 113 representantes do bólido, onde 2 acabaram de desembarcar em Belo Horizonte - a amarela que estampa este post e a vermelha que chegou em Janeiro.

Marca : Ferrari
Modelo : 360
Versão : Modena
Potência : 400 cv (294 kw - 394 hp)
Motor : 8 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 3586 cm3
Distribuição : 40 válvulas
Binário : 373 Nm (4750 tr/min)
Transmissão : Tração traseira, caixa de velocidades manual 6 velocidades
Peso médio : 1537 kg
Pneus : 215/45/18 Frente .275/40/18 Atrás
Relação potência / peso: 3.8 kg/cv
Relação consumo / potência : 23.5 cv/L
Coeficiente aerodinâmico 0.330 cx

0 comentários:

Postar um comentário