15 de dez de 2014

Censo BH Exotics

Mais uma nova coluna no ar, agora nosso foco é a busca pelo número total dos exclusivos que rodam por nossa cidade e região. Como, felizmente, temos uma grande quantidade de bólidos vamos separar o nosso "Censo" por marca e, inicialmente, considerar somente os modelos mais recentes
A marca escolhida para começas a nossa contagem é a Lamborghini, uma das mais emblemáticas quando o assunto são os super esportivos de ponta e com design a frente do seu tempo. Com sua fabrica e alma de origem italiana a Lamborghini atualmente é propriedade da gigante Audi, fato que ajudou muito a acabar com a fama de carro problemático mecanicamente

Em Belo Horizonte contamos com apenas 10 modelos de touros vindos de Sant'Agata Bolognese, mas vale lembrar que entre eles existem 2 que merecem um destaque especial, afinal são únicos no Brasil e raros em qualquer lugar do mundo

Murciélago LP-670 Super Veloce: O modelo mais insano já produzido na linhagem da Murciélago. O SV é a versão semi pista da "Murci", logo, passou por grandes melhorias para uma melhor performance em todos os aspectos. O modelo em questão é único no Brasil e ainda possui a cor Nero Nemesis (preto fosco)
Modelo : Murcielago
Potência : 670 cv (493 kw - 661 hp)
Motor : 12 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 6496 cm3
Distribuição : 48 válvulas 
Binário : 660 Nm (6500 tr/min)
Transmissão : Tração nas quatro rodas, caixa de velocidades automática-sequencial 6 velocidades
Peso médio : 1837 kg
Pneus : 245/35/18 Frente - 335/30/18 Atrás
Relação potência / peso: 2.7 kg/cv
Relação consumo / potência : 32.7 cv/L
Coeficiente aerodinâmico 0.380 cx

Murciélago LP-640: a versão mais recente da Murciélago, sem contar a já citada SV, que é equipada com motor V12 e com o design inconfundível. Apesar de não ser a única LP-640 em solo nacional, a "Murci" mineira tem a exclusividade de ser a única na cor Rosso Vik.
Modelo : Murcielago
Versão : LP 640
Potência : 640 cv (471 kw - 631 hp)
Motor : 12 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 6495 cm3
Distribuição : 48 válvulas 
Binário : 660 Nm (6000 tr/min)
Transmissão : Tração nas quatro rodas, caixa de velocidades automática
Peso médio : 1735 kg
Relação potência / peso: 2.7 kg/cv
Relação consumo / potência : 30.0 cv/L

Diablo: O antecessor da Murciélago tem um representante em solo mineiro, e da versão VT. O Diablo foi um dos responsáveis pela recuperação da marca Lamborghini e ajudou a "globalizar" ainda mais a marca
Modelo : Diablo
Versão : VT
Potência : 499 cv (367 kw - 492 hp)
Motor : 12 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 5707 cm3
Distribuição : 48 válvulas 
Binário : 580 Nm (5200 tr/min)
Transmissão : Tração nas quatro rodas, caixa de velocidades manual 
Peso médio : 1625 kg
Relação potência / peso: 3.3 kg/cv

Gallardo: A primeira geração da Gallardo é representada por 4 modelos em nossa cidade, sendo as 4 unidades na versão Spyder (conversível) 
Modelo : Gallardo
Potência : 519 cv (382 kw - 512 hp)
Motor : 10 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 4961 cm3
Distribuição : 40 válvulas 
Binário : 510 Nm (4250 tr/min)
Transmissão : Tração nas quatro rodas, caixa de velocidades automática 
Peso médio : 1330 kg
Relação potência / peso: 2.6 kg/cv
Relação consumo / potência : 30.5 cv/L

LP 560-4: A nova "geração" da Gallardo, agora com um desenho com mais vincos e mais moderno. Além do desenho o novo Lambo ganhou mais 40 cavalos, em relação a Gallardo, e passou por uma grande melhoria em sua mecânica. O único representante desta "linhagem" chegou em BH logo após o fechamento deste post, logo já estamos atualizando com informações em primeira mão!
Modelo : Gallardo
Versão : LP 560-4
Potência : 560 cv (412 kw - 552 hp)
Motor : 10 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 5204 cm3
Distribuição : 40 válvulas 
Binário : 540 Nm (6500 tr/min)
Transmissão : Tração nas quatro rodas, caixa de velocidades manual 
Peso médio : 1506 kg
Relação potência / peso: 2.7 kg/cv
Relação consumo / potência : 40.9 cv/L

LP560-4 Bicolore: Idêntica, mecanicamente, a LP560-4 a Bicolore tem como diferencial a sua mescla de cores em sua carroceria. A versão que roda por BH tem a cor branca predominante e a preta cobrindo o teto e a tampa traseira do motor

Modelo : Gallardo
Versão : LP 560-4
Potência : 560 cv (412 kw - 552 hp)
Motor : 10 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 5204 cm3
Distribuição : 40 válvulas 
Binário : 540 Nm (6500 tr/min)
Transmissão : Tração nas quatro rodas, caixa de velocidades manual 
Peso médio : 1506 kg
Relação potência / peso: 2.7 kg/cv
Relação consumo / potência : 40.9 cv/L

O mais recente touro a chegar em BH foi a Superleggera, versão semi pista da primeira geração da Gallardo. O conjunto mecânico é semelhante ao modelo tradicional, mas com algumas melhorias que elevam a potência do motor V10 para 530 cavalos, contra 500 da Gallardo. A redução de peso também foi significativa, 100 quilos de diferença entre os carros - destaque para o grande uso do carbono por todo o veículo. O resultado é a marca de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos é a velocidade máxima na casa dos 340 km/h

Versão : Superleggera
Potência : 530 cv (390 kw - 523 hp)
Motor : 10 cilindros (motor em V)
Cilindrada : 4961 cm3
Distribuição : 40 válvulas 
Binário : 510 Nm (4250 tr/min)
Transmissão : Tração nas quatro rodas, caixa de velocidades automática-sequencial 6 velocidades
Peso médio : 1602 kg
Pneus : 235/35/19 Frente - 295/30/19 Atrás
Relação potência / peso: 3.0 kg/cv
Relação consumo / potência : 31.4 cv/L
Coeficiente aerodinâmico 0.310 cx


Atualmente este são os representantes da marca italiana em nossa capital, mas assim que mais algum touro chegue por aqui iremos atualizar nosso censo. Lembrando que outras "Lambos" são flagradas com frequência em BH, mas as mesmas não "pertencem" a BH. 


0 comentários:

Postar um comentário