21 de set de 2012

Vergonha mundial

A paixão por carros é um "mau" que afeta milhões de brasileiros, muitos vivem em função deste sentimento que tende a crescer com o passar do tempo e com as novidades que surgem neste seguimento. Um apaixonado por carros sempre busca todas as informações sobre determinados modelos ou sobre todos, além de estar por dentro de todos os grandes eventos e lançamentos.
Infelizmente o cenário brasileiro, para o amante do carro, é vergonhoso e triste. Perdemos o autódromo de Jacarepaguá -localizado no Rio de Janeiro, para a construção da cidade olímpica. Houve a promessa, por parte dos políticos do estado, que a pista só seria fechada após a construção de uma outra, mas como todos podem ver nenhuma outra pista foi construída e nem existe previsão para uma nova. 

Com o fim de Jacarepaguá o publico carioca ficou órfão de um circuito, restando como solução uma viagem até Interlagos para poder aproveitar com segurança seus idolatrados "brinquedos". Porem com as estradas sempre lotadas e com um estado de conservação regular, muitos optam por buscar por alternativas não muito recomendadas...

Outra baixa para todos foi o fechamento do museu do automóvel de Brasilia que agora vai dar lugar a um arquivo morto do governo. Os carros devem ser vendidos e ao que tudo indica vão ceder o lugar para grandes quantidades de papeis gerados pela inútil burocracia brasileira.

Diariamente vemos nossos poucos autódromos e espaços destinados ao automobilismo serem alugados para outras finalidades como shows, festas, feiras e até mesmo para servir de deposito. Existem dezenas de estádios de futebol ociosos no Brasil e com uma estrutura muito melhor para receber tais eventos, mas por motivos que ninguém explica eles continuam como grandes elefantes brancos e que devem ganhar novos "parceiros" com a copa do mundo e as olimpíadas. 

Além do fechamento de templos do automobilismo brasileiro ainda temos que conviver com a palhaçada das montadoras com seus valores mais que abusivos e que tentam justificar tal abuso jogando a culpa nos impostos. Com uma rápida conta qualquer um consegue ver que apesar da gigantesca taxa tributaria sobre os veículos as montadoras ainda conseguem lucros acima do normal, motivo este que vem a cada dia atraindo mais fabricantes para o Brasil, afinal estamos pagando o valor pedido sem reclamar.

Existem alguns projetos de novos circuitos e espaços para os fans de automobilismo e apaixonados por carros, mas como tudo no Brasil funciona na base de interesses políticos e na troca de favores muitos projetos podem ficar somente no papel.

Os mineiros sonham com um autódromo de padrão internacional, temos a pista do Mega Space mas ali é impossível a realização de uma prova do porte da Formula 1, existe um projeto para a construção de um complexo na cidade de Curvelo onde a estrutura vai ser maior que a de Interlagos e com total capacidade de receber qualquer tipo de evento automobilístico mundial.

Enquanto não temos nenhuma novidade sobre novas estruturas resta apenas torcer e lutar para que os autódromos, museus, etc, não sejam transformados em outras estruturas e nem utilizados para outros fins. 
  

0 comentários:

Postar um comentário