30 de mai de 2011

Os mais exclusivos de Belo Horizonte

Para comemorar nosso post de número 200 resolvemos fazer uma matéria especial para vocês. Depois de uma longa e trabalhosa discussão chegamos aos 10 carros mais exclusivos da nossa capital mineira. Foram levados em conta fatores como o preço, quantidade do mesmo modelo em BH, desempenho e design.
Começamos com o modelo mais exclusivo da nossa capital, a Mercedes Benz Brabus SL65. Com apenas 10 modelos espalhados por todo o mundo, sendo que grande parte encontra-se com os Sheiks Árabes, a supermáquina tem números comparáveis com um carro de fórmula 1 – tanto no quesito desempenho como no preço.

A Lamborghini Murciélago foi por muito tempo uma espécie de mascote para a nossa equipe, afinal um V12 italiano aliado a uma carroceria belíssima é algo que deixa qualquer fanático por carros com as pernas bambas. A máquina italiana anda sumida de nossas ruas, segundo informações a mesma encontra-se em outro estado, mas nossa equipe espera revê-la em breve.

Uma Ferrari 430 Scuderia já é um carro digno de estar nesta lista, mas a Scuderia em questão já pertenceu ao piloto de Fórmula 1 Felipe Massa. Com direito a assinatura do piloto no painel do carro, em uma placa especial, a Ferrari possui as mesmas configurações mecânica das Scuderias “normais”. Outra diferença é a sua cor, um vermelho muito raro em Ferraris.

Outra máquina italiana que merece destaque é o Alfa Romeo 8C Competizione Spider, modelo único em todo o Brasil. O 8C é o novo superesportivo da marca e conta com um belo conjunto mecânico derivado da Maserati Gran Turismo aliado a uma carroceria totalmente feita de fibra de carbono.

O Porsche 911 GT3 com suas belas faixas cinzas por toda a carroceria é um dos representantes alemães da nossa lista. O carro é baseado em um Porsche 911, mas com grandes modificações na parte mecânica e estética – reparem no belo aerofólio traseiro e nas enormes rodas do mesmo. Um carro de competição com permissão de rodar em nossas ruas.

Os carros ingleses não fazem feio em nossa capital, um exemplo é o Aston Martin DBS – famoso carro do espião mais famoso do cinema, James Bond. O DBS possui um motor V12 responsável pela produção de uma sinfônica mecânica fora do comum, além, claro de muita potência.

Os clássicos também merecem presença nesta lista, afinal um Lamborghini Miura é um carro mítico. Com o titulo de primeiro carro no mundo a utilizar o motor montado em seu centro, o Miura fez história devido a seu desempenho e sua beleza.

O Ford GT, a nova versão do emblemático Ford GT 40, conseguiu seu lugar na lista devido a sua exclusividade e desempenho. Com pouco mais de uma dezena do modelo em todo o Brasil, todos vistos muito raramente. Com uma grande vocação para as pistas, mas com algumas adaptações para transitar em vias urbanas, o carro não esconde sua fome por competições.

A Ferrari 512 TR não podia ficar de fora, o modelo foi à edição especial da 512 – uma espécie de GTO da época. O carro já é considerado um clássico, apesar de não ter completado 30 anos de fabricação (tempo mínimo para a obtenção da placa preta no Brasil). A 512 TR não é um carro de fácil visualização em BH, mas sua aparição logo é recompensada por um rugido metálico incrível.

Para finalizar a nossa lista nada melhor que mais um modelo único no Brasil, até onde sabemos. O Isso Grifo foi um concorrente a altura dos grandes esportivos de sua época, com o diferencial de possuir um conforto acima da média. Informações sobre o modelo são muito raras, mas seu desempenho ainda continua muito bom.

Em Belo Horizonte existem outras dezenas de carros que poderiam estar nesta lista, tentamos selecionar os mais “impactantes” ao serem vistos. Caso tenha alguma sugestão ou informação sobre algum modelo que ficou fora da lista basta deixar um comentário.

18 comentários:

  1. Porque a 512BB não foi citada? Bh não conta com as únicas do país?

    ResponderExcluir
  2. vcs não consideram a Ferrari 599 GTB + "impactante" que o Porsche GT3 ??? achei q falto ela na lista... tambem por ser um dos carros mais caros, junto com a Murciélago

    ResponderExcluir
  3. Esse video e da cidade de Itauna, fica cerca de 80 km de BH, para uma cidade de 80 mil habitantes tem muitos carroes.
    http://www.youtube.com/watch?v=jITG5VYVTrg

    ResponderExcluir
  4. Yago, apesar da 512 BB ser muito exclusiva, temos 2 modelos da mesma, enquanto a TR só temos uma única unidade.
    Guilherme, a 599 GTB quase entrou na lista também, mas por ser um carro que possui mais de um modelo em Belo Horizonte. Si fosse o casa de haver uma GTO com certeza ela estaria na lista.
    Anônimo, por acaso vc é o Igor do itaunasupercarros?

    ResponderExcluir
  5. Muito bom!

    pena não ver destes carros aqui em minha cidade!

    ResponderExcluir
  6. dbs eh do filho de eike batista

    ResponderExcluir
  7. Anônimo, o DBS com certeza não pertence ao filho do Eike. Existem outros DBS espalhados pelo Brasil

    ResponderExcluir
  8. eh o porshe gt3 nao eh unico em goiania tem um da mesma cor do q aparece no velozes 5

    ResponderExcluir
  9. @frango: Unico em BH, existem varios outros pelo Brasil

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Cara esse anônimo ai nao sou eu não rsrs! Gostei muito da matéria, acho que a 599 poderia ter entrado na lista um abraço.

    ResponderExcluir
  12. o porsche gt3 nao e unico em bh nao no bairro castelo tem um e e o gt3 RS na cor dourado essa cor do link http://www.webmotors.com.br/webmotors/carro/usado/porsche-911-3.8-gt3-6-cilindros-24v-gasolina-2p-manual/7290085/detalhe.wm
    so q e o rs com as faixas preta do lado do carro

    ResponderExcluir
  13. Pedro, até onde sabemos o GT3 Dourado encontrava-se em São Paulo. Você teria alguma informação mais recente sobre o mesmo?

    ResponderExcluir
  14. Faltaram os melhores e mais caros: Isotta Fraschini 8A (são duas), Rolls Royce Silver Wraith 1952 (eleito nos EUA como um dos mais belo conversíveis existentes), Packard Twelve Sedan Cabriolet by Dietrich 1937, Packard Super Eight (duas: sedan cabriolet que foi do ex-presidente JK e outra coupe cabriolet), Rolls Royce Springfield Phanton (são dois da década de 20) e, claro, o carro mais caro brasileiro: Mercedes-Benz 540K Spezial Roadster 1936, avaliado em us$ 4 milhões.

    Abre o zóio que faltaram muitos carros!!!!

    ResponderExcluir
  15. Nao abordamos os antigos neste post, isso será feito em um futuro e desde já agradecemos pelas boas informações.

    ResponderExcluir
  16. Moro em itaúna e aki tem uma ferrari italia, uma ferrari california e a mais top de todas a ferrari 599gto, fora os porches e o belissimo audi r8,pra uma cidade de 96 mil habitantes é pra colocar BH no chinelo hahahahahahaha demm uma olhada no site www.itaunasupercarros.com.br

    ResponderExcluir
  17. Anônimo, em momento nenhum estamos tentando comparar as cidades. Itauna realmente tem modelos muito exclusivos e inclusive temos contato com o Igor - responsavel pelo site que vc citou (so q o endereço que vc colocou esta errado). Não temos nenhum interesse em receber comentários que nada acrescentam ao nosso site e a parceiros. Da próxima tenta falar algo que ajude a todos ok?!

    ResponderExcluir
  18. Boa Noite!
    Gostaria de dar uma sugestão para o site como um quadro para os modelos que foram registrados em fotos ou vídeos que já passaram por BH pois acho interessante relembrarmos modelos míticos que já estiveram aqui como a F50 e a F40(a última esteve dentro da FIAT e vendida para SP),Jaguar XJ220 e tantos outros e queria que o boato fosse verdade na época de um Mc Laren F1 (mesmo sendo em Sampa rs) na década de 90 mas se tratava apenas de um boato na época...rs
    Abraço à todos e sucesso!

    ResponderExcluir