Encontro C.A.R BH

Tudo sobre os modelos recém chegados

Flagras dos nossos leitores

Os melhores flagras feitos por nossos leitores!

Novidade Polêmica!

A novidade mais comentada do ano

Retrovisor - Setembro

O melhor do mês que passaou!

31 de mai de 2011

Domingo, o pior dia para dirigir.


Durante nossas caçadas dominicais por Belo Horizonte a percebemos um grande número de infrações às leis de trânsito, muitas delas gravíssimas. Motoristas que não respeitam a sinalização esquecem que seus veículos possuem sinais luminosos e por muitas vezes acham que são os donos da rua.

30 de mai de 2011

Os mais exclusivos de Belo Horizonte

Para comemorar nosso post de número 200 resolvemos fazer uma matéria especial para vocês. Depois de uma longa e trabalhosa discussão chegamos aos 10 carros mais exclusivos da nossa capital mineira. Foram levados em conta fatores como o preço, quantidade do mesmo modelo em BH, desempenho e design.

27 de mai de 2011

48 horas e um Audi TTS só para mim


Minhas experiencias de vida sempre me mostraram que a vida tem um certo equilibrio, sempre que acontece algo bom, vai acontecer algo ruim depois e vice versa, pois então essa ultima semana eu tava um lixo, minha vida estava uma m****.

Meu computador (instrumento de trabalho, diversão E estudo) tinha queimado a fonte, nenhuma loja da região tinha nenhuma com capacidade sufiente pro meu computador, comprei outra em uma loja (na internet) que não tinha em estoque, dai fui pra outra, os correios fizeram uma bagunça épica com ela, fui fazer um crachá aqui do campus e a maquina queimou, estudei uma semana loucamente para uma prova que me fudi épicamente, acho que levei umas 2 multas de velocidade (em uma delas vi um movel enquanto estava a 160 km/h).... enfim não tinha nada dando certo....


Sexta, na aula das 10 horas sexta feira estava navegando pela internet (que belo exemplo hein?), dai o @gutokleien aparece com um #audigiftday relampago, o prêmio? Um final de semana com um audi TTS e dois ingresso de pista premium para o Festival Natura Nós, como sempre tento minhas chances, mas tava muito desanimado e cansado de tanto estudar, mandei 2 frases respondendo a pergunta de qual dos artistas do festival eu levaria para andar de TTS e porque:

"@audibr #AudiGiftDay Chamaria o Jack Johnson para ele ver como é surfar no asfalto em cima de 340 cavalos!" (repare que em uma googleiada #fail e errei loucamente a potencia do carro)

e

"@audibr #AudiGiftDay Convidaria o Jack Johnson e mostraria a ele que o melhor lugar para se surfar é sem duvida o asfalto!"


Sai da aula, voltei pra casa, almocei, assisti uma série, estudei mais um pouquinho e fui fazer a prova citada no inicio desse texto, a primeira questão eu sabia +-, a segunda eu não tinha a menor ideia, a terceira eu tentei escrever algo, e a quarta........ melhor nem comentar....

O que consegui fazer foi deitar na cama e dormir..... Quando acordei ja tinha passado uma hora da divulgação dos resultados e nada..... tava olhando o gmail até que surge a seguinte mensagem:

"Audi Brasil (@AudiBR) has sent you a direct message on Twitter!"

Gelei, meu coração pulou uma batida, só podia ser sobre o #audigiftday!!!! e ERA!!!!!!!!!!!

Diziam que minha frase (a segunda claro) foi pre-selecionada e pediam pra eu mandar os dados!!!!!!!!!!!!!!!!!

Uma euforia bateu, eu não sabia direito o que fazer, a sensação foi proxima da de quando passei no vestibular, não conseguia acreditar, só soltei um grito de "P*** que o P****"

Respondi quase que imediatamente com meus dados, recebi então uma ligação da Gabriela que pedia para eu confirmar um detalhe do endereço, e me informava que no dia seguinte eu deveria estar no dia seguinte as 10 da manhã, com a minha habilitação em um determinado endereço para pegar o carro. Sim simples assim O.o


E para dormir? Fui dormir meia noite e acordei as 5:00 da matina mesmo tendo dormindo maravilhosamente mal nas 4 noites anteriores. Mas eram 10:00 em ponto e la eu estava na porta do prédio, entrei e a recepcionista me direcionou para a Gabriela que ja estaa estrevistando o Diego (o outro ganhador), logo me aparece o Leandro da audi com os contratos para assinarmos. Após um curta entrevista fomos para os carros, o do Diego veio primeiro, prata coupe, perguntei pelo meu, dizeram que seria igual e logo ele veio. Algumas fotos, 2 assinaturas (em um contrato que tive medo de ler), uma copia da habilitação e pronto as chaves estavam em minha mão. Leandro fez uma explicação de como funcionava o carro, ingressos na mão e o TTS era só meu até segunda de manhã!!!!!!!!!

A primeira coisa que fiz ao sair da garagem? na primeira rua sem ninguem que apareceu sentei o pé, la no fundo sem dó, o giro foi subindo, até 3000 não surpreendeu nada, era um 2.0 normal, mas passou de 3500, o turbo entrou, e P*** M**** colei pra tras, o carro passou duas marchas e quando vi ja estava a 120 em uma rua estreita!!!!! Procurei o caminho mais rapido para a marginal pinheiros, meu destino? Avenida Europa!!! Sente o pé na marginal sem me preocupar com o amanhã, mas de olho nos radares.


Chegando na Avenida Europa um momento legal, no meu retrovisro vejo uma ferrari 458, vou atras, logo após aparece um camaro mais antigo extremamente conservado, no sinal logo a frente uma BMW 535 e cruzando por nós um Porsche Panamera. Fui até o fim da avenida e voltei, em frente a platinuss encontrei 3 conhecidos do exclusivosnobrasil.com e botei eles pra dentro do carro, com minha garota no meio eramos 5 em um TTS que cabe 2 + 2*1/2. Apertado mas divertido, e fomos passear!!! Demos algumas aceleradas, visitamos a Auto Rosso, Stern (onde vi a Lamborghini LP-670 SV), a Lamborghini São Paulo (onde quase fui atendido por um vendedor ^^), passamos pela Platinuss (Jaguar XJ-220, F50, e varios outros tops), vi tambem o Pagani Zonda F pela primeira vez, alem de 360's, 430, LP560, SL Black Series, 355, e varios outros. Ja era mais de meio dia, quando resolvi ir para São José dos Campos.

Fomos pela dutra.... meu amigo..... foi ai que deu pra sentir o carro em altas velocidades, entrei em curvas a mais de 200 firme, o carro se manteve no chão, sempre com torque de sobra. Depois de pegar segurança o TTS pareceu ter entrado em sintonia comigo, eu apontava, ele seguia exatamente por onde eu queria, eu precisava fazer uma ultrapassagem ele tirava tudo de si para me entregar mais velocidade. Ja alguns km de distancia de São Paulo abriu-se a estrada, sentei o pé, o velcoimetro subia com uma velocidade incrivel, 160, 180, 200, 210, 220, 225, 230 e veio a curva!!! Em um carro normal eu tiraria o pé na hora, mas o TTS estava tão no chão, me deu uma confiança tão grande..... o que eu fiz? Pisei mais, 235, 240 e enfim carros a frente, diminuo, eles abrem, volto de 190 e continuo, é um ciclo incrivel, a 180 o carro pede por mais velocidade, bem mais velocidade. O ronco do carro vai te envolvendo.... a tração nas quatro te dá aderencia e acelerações absurdas! E nesse ritmo um trajeto que demora normalmente 1:00, 1:10 pisando bastante em meu focus fizemos em 40 minutos, eu não conseguia acreditar ao olhar o tempo no relógio.....


Deixei a garota em casa e fui para o alojamento da faculdade, incrivel o quanto o carro chamou atenção, as pessoas paravam para olhar sem entender muito bem o que aquele carro estava fazendo parado em frente ao alojamento, chamei então um grande amigo meu para dar um volta, ele não entendia muito bem o porque eu gostava tanto de carros, acho que na primeira aceleração eu respondi a duvida dele, mas pra garantir que ele entendeu resolvi fazer uma "gracinha" com ele, peguei uma reta boa, 180-190-200-210-220.... e vinha uma curva em subida, perguntei: "ei, tamo a 220, tu quer que eu entre naquela curva a 220?" ele respondeu desmonstrando um pouco de medo com um sonoro "NÃO!", disse então "Pois é agora que eu não vou freiar mesmo!" e sento o pé no acelerador, o TTS faz a curva como se fosse a coisa mais natural do mundo... Saiu do carro com um sorriso de um tamanho que não tinha visto antes.

Após algumas outras voltinhas resolvi dar um passeio pela cidade, as rotatorias eram minha parte preferida, forçava para o carro sair, mas a tração nas 4 e o controle de tração nunca deixavam! Passei por um camaro amarelo estacionado e um grupo de pessoas em volta, todas tiraram os olhos dele para me ver passar, claro retribui com uma sonora acelerada, não tem como, por onde akeles leds passam as pessoas olham, e isso que o carro é prata!

Outro episodio interessante foi com um ciclista, que me olhando vindo do outro lado da rua, se destraiu e enfiou a cabeça em um galho de arvore mais baixo, coitado dele, mas não resisti e dei uma risada =X.


Hora de ir pro show do Jack Johnson, e mais um episodio interessante acontece, saindo da base militar sou informado de que ja haviam 3 reclamações por excesso de velocidade (com razão) e se continuassem chegando eu seria impedido de entrar la com o carro (detalhe se fosse um carro comum, antes da primeira reclamação ja teriam me proibido de dirigir la por pelo menos uns 6 meses ^^). Pois bem, ja tinha andado 300 kms e iria andar mais 300, la fomos nós pela dutra novamente, cada pedagio era uma alegria, aquela acelerada gostosa e o carro passando livre por 10 pistas fazia todos os atendentes pararem de cobrar para dar uma espiadinha.

Os carros vendo o conjunto de leds + farois chegando, ja sabiam que se tratava de um audi e abriam rapidamente a passagem, alguns mais distraidos pareciam se assustar ao ver o que estava piscando farol por tras, e assim eu fui aproveitando loucamente o carro pela estrada.

Chegando perto do local do show pegamos congestionamento, hora de esperimentar o som bose, ele é simplesmente perfeito, o som sai na medida certa com graves altos e sem distorção. O carro a baixa rotações é bm silencioso e os bancos que misturam couro com alcantara, alem de maravilhosos são super confortaveis com regulagem eletrica de tudo que possa imaginar.

Paramos o carro na rua mesmo, combinei 15 reais para uma tia cuidar (pagamento na volta) e fui aproveitar o show, mas como esse é um site de carros, que tal pularmos essa parte?


Saindo do show em direção a dutra vamos nós! Aproveitei que estava cansado e resolvi usar o piloto automatico na marginal, com um toquinho na alavanca (para cima ou para baixo) você muda a velocidade 1 km/h por vez, se segurar ela por um tempo ela começa a subir para velocidades multiplas de 10, achei muito pratico para acertar as velocidades. O volante tem tambem os controles do som, o do computador de bordo fica na alavanca junto com os limpadores, esse tem varias opções: autonomia, lap times, velocidade digital, consumo, tempo de viagem e tem algumas opções para checar temperatura de óleo, e informações sobre a manutenção do carro.

Chegando na dutra foi umas das melhores parte do final de semana, a estrada bem vazia (ja eram 01:00 da manhã) acelerei igual a um louco, até que no trecho entre São José dos Campos e Caçapava não tinha literalmente ninguem, 230-240-250 e o limitador pela primeiro vez apitou, soltei o pé, nessa velocidade o carro ainda sim se mantem muito estavel, crédito para a suspensão magnética que consegue ser firme na estrada e muito confortavel na cidade!

Cheguei no alojamento ja eram 3 da manhã, botei o despertador pras 10 e tentei dormir..... afinal tentar é o que importa né?

No dia inicio do domingo houveram mais voltas, assim como todo o resto do dia, tinha um roteiro mais ou menos definido, tinha de chegar até a portaria bem devagar, as pessoas curtiam o interior do carro e eu explicava um pouco sobre o carro, saindo do CTA há uma "rotatoria", ali era o ápice de tudo, entrava nela com tudo e acelerava até o sinal, os passageiros piravam, sentiam a aceleração escrota pela primeiro vez misturada com uma dose de curva, era uma sensação incrivel, alguns gritavam de medo, outros vibravam, mas todos se impressionavam. Iamos então pela dutra no sentido de caçapava, pegavamos o retorno de engenho de melo onde eu demonstrava a atuação do controle de tração e retornavamos ao lar, um passeio de aproximadamente 30 kms repetido inumeras vezes.

Em uma dessas voltas (gravada em video) apareceu um polo que logo que me viu no retrovisor abriu e fez um sinal com a mão para eu passar, não entendi bem se foi algo positivo ou negativo, mas logo em um trecho mais lento a frente deu pra perceber que era uma pessoa vibrando em ver o TTS rasgando a estrada e pedindo por aceleradas! Muito legal!



No inicio da tarde resolvi testar o carro em um ambiente mais urbano, levei ele para um trecho cheio de retas e com algumas rotatorias bem grandes e largas, meu dedo coçou para desligar o controle de tração, mas o medo por inexperiencia foi maior, mas deu pra me divertir bastante, fazia as coisas de qualquer jeito que o carro corrigia, o carro tende a sair mais de frente, a traseira se manteve bem firme o tempo todo.

Pra jantar passei no drive-through do habibs, sim, no habibs, eu tava com fome e sem dinheiro por causa da gasolina =]!

O desespero de alguns caronas era bem interessante, de fato se estivesse fora do volante provavelmente estaria bem inseguro, mas era incrivel como o TTS esteva na mão o tempo todo, o aerofolio levantava acima dos 120km/h (abaixa a menos de 80km/h) e te mantem preso no chão, os unicos momentos que me senti inseguro foi em algumas fechadas de caminhões e mesmo assim os freios de 17 polegadas do TTS não decepcionavam!

Ja era de madrugada, uma da manhã, quando fui mostrar o carro para um dos colegas de quarto que tinha acabado de chegar, nisso vejo 2 amigos cariocas olhando o carro, não deu outra, apertei os 3 la dentro e fomos para um voltinha, a melhor de todas e felizmente registrada em video! A estrada estava livre, acelerei como quem teria que devolver o carro na manhã seguinte velocidades quase todo tempo acima de 170 e em boa parte dele acima de 200, logo no inicio do video da pra ver a maior velocidade que registrei: 253 km/h!!!! Aproveitei e a pedidos testei uma freiada mais forte com o carro, incrivel como em joga um ancora do chão e simplesmente para.



Na manhã seguinte a devolução do carro, passei no banco para tirar um dinheiro e quando saio vejo uma senhora no telefone: "Querido, estou na frente do carro mais bonito que ja vi em toda minha vida", olhou para tras e me viu sorrindo, acabou ficando um pouco sem graça, mas são momentos como esse que tornaram meu final de semana com o TTS especial, a reação das pessoas foi sempre muito boa, não tive nenhuma reação negativa, todos sorriam e se divertiam, quem andou nele saiu com as pernas meio bambas, tenho certeza que fiz o dia de muita gente, desde crianças mostrando aos seus pais o "achado" rasgando na rua, a pessoas que simplesmente ficavam boquiabertas e congeladas conseguindo apenas seguir o carro com os olhos, é esse tipo de reação que o carro esportivo proporciona que torna tudo tão especial.

Uma dutra muito cheia e um congestionamento devido a um acidente feio (engavetamento envolvendo 4 caminhões e 5 carros, mas apenas um ferido) marcaram o fim do meu passeio. Aproveitei que estava tudo parado, levantei o aerofolio manualmente para "desfilar" e curti o som bose.

As 11:00 em ponto cheguei no local da entrega, a chave não queria sair da minha mão, deixei o carro com o manobrista e fui atras do leandro, que me recebeu muito bem novamente e apenas pegou o ticket do estacinamento, agradeci e me despedi, para voltar com um mistura de felicidade e depressão para a casa de metrô....

Numeros? 24 pessoas alem de mim andaram no carro, gastei 4 tanques de gasolina podium (650 reais), andei 1100 kms, atingi o limitador por 3 vezes e perdi a conta das acelerações de 0-100 que fiz.

(repare no detalhe da velocidade no video)

Apesar de ser um amante de Z's (ja tendo tido a oportunidade de dirigir um 350z) os 60 cvs a mais do Z e desempenhos muito proximos mostram o quanto a suspensão e cambio do audi sejam superiores, BMW Z4 35i custa quase 30 mil a mais e tem reclamações sobre sua suspensão, a slk não tem mais sua versão para concorrer nesse segmento (apenas a 200, que não chega aos pés dos ja citados), por fim o porsche boxster de entrada tem desempenho bem inferior ao do TTS sendo sua versão S 50 mil mais cara, mas ao mesmo tempo superior ao TTS. Enfim o TTS é um compra extremamente racional, usavel até no dia a dia (apenas tive um pouco de dificuldade de sair do carro, mas passei por quebra-molas e o carro não raspou nenhuma vez) e definitivamente vale um teste drive para quem deseja um roadster/coupe um pouco mais envenenado.

Depois desse final de semana a vida de muitas pessoas concerteza não será a mesma: desde o tiozinho que nunca tinha visto um TT ao vivo, passando pelo dono o polo que tomou cortadas na estrada e quase morreu de tesão, pelas 4 pessoas que coloquei no clube dos 250 até chegar a mim que definitivamente não sou mais o mesmo, sou alguem com mais paixão, mais energia, mais vontade de viver. Descobri que de fato a vida abaixo dos 200 é muito sem graça, eu quero mais acelerações rapidas, quero poder rasgar nossas estradas sem medo, quero poder rugir para o mundo inteiro ouvir, quero receber mais reclamações de excesso de velocidade, quero simplesmente mais!

Não tenho palavras para agradecer a audi pela oportunidade de realizar esse sonho incrivel, é uma promoção unica que nunca ninguem fez parecido pelo Brasil, mesmo antes da promoção ja surpreendia pelo atendimento excelente que tinhamos na audi em Belo Horizonte, ao contrario do pessimo que ocorria em outras empresas como a BMW. A empresa cada vez sobe mais no conceito do Brasileiro e sem duvida quando possivel terá um lugar bem especial na minha garagem =]

Ps: desculpem os provaveis erros de ortografia.
Ps2: Credito das fotos na avenida europa para Lucas.F

Modernos x Clássicos


No mundo dos automóveis existe uma certa divisão de grupos, os que idolatram os carros mais modernos e os que fazem de tudo pelos modelos antigos, chamados de clássicos. Felizmente existem pessoas que sabem admirar o que a de melhor dos dois universos, o que teoricamente seria o mais racional, mas a paixão por automóveis ultrapassa a barreira do racional/irracional.

26 de mai de 2011

Multimídia

Esta semana dedicaremos a seção multimídia às músicas que tem o carro como tema principal. Tentamos listar algumas das mais conhecidas e que ajudam a tornar a experiência ao volante de um automóvel uma verdadeira terapia.

25 de mai de 2011

A importação de um veículo

Quem nunca se imaginou comprando um carro nos EUA? Basta bisbilhotar os catálogos eletrônicos amercianos na Internet para que a idéia surja. Um Mini Cooper sai por US$ 16 mil, um Hummer H2, por US$ 54 mil. Um Honda Fit custa US$ 13 mil, quase a metade do preço aqui! Negócio da China. Pois o que nem todo mundo sabe é que para importar um automóvel, o consumidor brasileiro enfrenta uma verdadeira via crucis e, muitas vezes, desembolsa mais que o dobro do valor do carro nos EUA. Isso mesmo. O Fit, de R$ 24 mil, chegaria no Brasil custando cerca de R$ 50 mil.

24 de mai de 2011

Fotos Noturnas

Tirar boas fotos das belas máquinas que rodam por Belo Horizonte já é um desafio durante o dia, imagine então durante a noite. O grande obstáculo é a falta de luz, pois a iluminação publica não ajuda muito o nosso trabalho.

20 de mai de 2011

Multimídia

Um duelo amigável entre uma Ferrari 355 e um Porsche GT2, o exuberante rugido do Pagani Zonda R em solo brasileiro e a felicidade de uma criança ao andar em superesportivo, tudo isso a seguir.


17 de mai de 2011

Computador de Bordo – 14 de Maio


Estavam com saudades da Mercedes Benz SL65 Brabus? Depois de um longo tempo escondida a máquina foi flagrada por nossa equipe durante o final de semana. Também fotografamos Ferraris que não são vistas com muita frequência, assim como outros exclusivos. Confira todos nossos flagras a seguir.

16 de mai de 2011

Dodge Viper RT/10

A missão de superar carros fantásticos é considerada por muitos um grande desavio, chegando a ser quase impossível. No final da década de 1980 a Chrysler planejava criar um carro que superasse o mítico Ford Shelby Cobra, modelo que já não era mais fabricado, mas ainda era um dos únicos representantes dos superesportivos americanos. Com o conceito de um grande motor aliado a uma carroceria leve e muita potência nascia o Viper.

11 de mai de 2011

Multimídia

Um Koenigsegg CCX cuspindo fogo não é algo comum de ser visto ainda mais filmado. Já ouviu o ronco do novo Pagani Huayra? Que tal uma volta pelo principado de Mônaco conferindo todos os supercarros que rodam por lá. Tudo isso logo a seguir!

10 de mai de 2011

Garagem – Bancos


Todo bom carro tem um banco digno de fazer parte do conjunto, pelo menos em grande parte dos casos é assim. O banco dos automóveis é uma das peças mais importantes para a segurança e conforto do motorista, protegendo o mesmo em caso de colisões e, quando ajustado corretamente, proporciona uma dirigibilidade sem muito esforço físico.

9 de mai de 2011

Computador de Bordo – 07 de Maio


O mês de maio começou com tudo em Belo Horizonte, com direito a inauguração de uma loja especializada em acessórios finos para as máquinas mais exclusivas. Também ocorreu o tradicional encontro do Veteran Car Club MG no condomínio Alphaville, com muitos clássicos. Não podemos esquecer-nos dos nossos flagras pela capital mineira.

6 de mai de 2011

Os populares de Belo Horizonte

No mercado de veículos brasileiro, o termo “carro popular” serve como referência aos carros que a maioria da população tem condições financeiras de compra, bons exemplos são os modelos com a carente motorização 1.0. Porém para a nossa equipe, o termo tem outro significado.

5 de mai de 2011

Nissan 370Z Nismo


A Nissan, diferente de seus principais concorrentes asiáticos, felizmente não deixou sua divisão esportiva morrer. A divisão conhecida como Nismo possui carros lendários em seu currículo, incluindo alguns títulos em campeonatos de automobilismo. A criação mais recente do departamento foi o Nissan 370Z Nismo, um verdadeiro canhão para as ruas.

4 de mai de 2011

Multimídia

Semana especial para todos os apaixonados por carros, pois na próxima sexta estreia o tão aguardado Velozes e Furiosos 5 (Fast 5). Nossa coluna multimídia desta semana será dedicada aos bólidos que participaram do filme, como o emblemático Dodge Challenger 1970 e o “brasileiro” Ford Maverick 1971.

3 de mai de 2011

Retrovisor: Abril


O mês de Abril, apesar dos feriados, foi batente movimento em Belo Horizonte. Muitos dos últimos lançamentos mundiais já podem ser vistos rodando por nossas ruas e outros nos show rooms das melhores lojas. Também tivemos belas supressas entre os clássicos, mostrando que a cada dia BH vem ganhando um maior destaque nesta área.

2 de mai de 2011

Computador de Bordo – 30 de Abril

O último final de semana do mês foi recheado de boas novidades em Belo Horizonte. O número de exclusivos não para de crescer por aqui, destaque para a chegada de mais um Porsche Panamera S, Porsche Cayenne Turbo e uma Maserati Gran Turismo. Velhos conhecidos também foram vistos pelas ruas, um bom exemplo foi o Dodge Viper RT/10.